Date: 17 Jul 2017

Wall Street acelera para novos máximos

Falsa partida? Esse foi o sentimento dominante nos investidores na sexta-feira, apesar do S&P500 e o Dow Jones terem atingido novos máximos, nomeadamente em relação à ideia de que o futuro de curto-médio prazo seria de retirada decisiva das medidas de estimulo à economia, não apenas na subida dos juros, mas igualmente na redução da enorme bolha de liquidez que existe no mercado, isto porque no último mês foram vários os responsáveis de alguns bancos centrais a darem essas indicações. Contudo durante a semana passada algo mudou com as declarações de Janet Yellen sobre o movimento gradual dos juros e da redução do balanço do FED, comentários que já vinham a ser antecipados por alguns analistas devido ao aparente refrear do crescimento da economia norte-americana, não obstante os bons dados dos non-farm payrolls, mas que se torna evidente no tópico principal para um banco central, a inflação, que teima em não subir para os valores pretendidos.

Sexta-feira o consumer price index (CPI) relativo a Junho, veio reforçar essa ideia, ao sair inalterado, abaixo das expectativas que eram de uma subida de 0,1% e depois de uma queda de -0.1% no mês anterior. Nem mesmo o Core CPI alterou os factos, ao sair igualmente abaixo das previsões, indicando que, tal como Yellen já referiu, o problema da inflação reduzida é estrutural, o que pode limitar a velocidade do movimento de regularização da politica monetária. A queda das Retails Sales nos EUA pelo segundo mês consecutivo apenas veio dar mais ênfase à necessidade de uma análise mais conservadora sobre a robustez da maior economia mundial.

Sem grandes surpresas os activos mais afectados com estes dados económicos foram o sector bancário, que registou a única queda do dia apesar dos bons resultados anunciados por três grandes do sector, e o U.S dólar, que foi constrangido na sua performance averbando uma queda de -0,7%, atingindo assim mínimos de quase 10 meses.

O gráfico de hoje é do Ouro, o time-frame é Diário

GOLDDaily17717

Como era expectável a linha inferior do canal (Azul) serviu de suporte ao movimento do preço do activo, sendo que a formação de um duplo fundo com a divergência no stochastic reforçou o fundamento para o rebound.

Marco Silva