Análises de Mercado

Touros de Wall Street não desistem da carga

Contra tudo mas não contra todos, é o lema dominante na mentalidade dos Touros nos índices norte-americanos. O facto de quase tudo o que diz respeito à análise fundamental e em boa parte técnica indicar que o movimento ascendente nos mercados accionistas a nível global, que teima em não dar tréguas, está bem dentro de território de especulação não tem beliscado minimamente o ímpeto dos investidores que recorrentemente tem colocado mais risco em cima da mesa, não obstante alguns dias de consolidação muito marginal ou de rotação de capital, o modus operandi continua a ser o de privilegiar o sector tecnológico em detrimento do restante mercado, pelo simples facto de que é a aposta na nova economia, nos negócios que mais irão beneficiar do no paradigma de uma sociedade com mais interações digitais.

 

Não contra todos porque os Touros têm um aliado de peso, na realidade O aliado mais importante, os bancos centrais e as suas gigantescas pilhas de liquidez que atropelam qualquer avaliação lógica dos activos. Liquidez que no mecanismo de formação de preços menoriza dados económicos que noutra altura poderiam ter um impacto considerável, como os números do emprego ADP, que apesar de não serem tão relevantes como os que vão sair sexta-feira, os non-farm payrolls, revelaram um mercado de emprego com bastante menor fulgor do que o previsto, com apenas 428,000 novos postos de trabalho, quando o previsto era de um milhão. Mas por outro lado o ISM da manufactura subiu para máximos de Agosto de 2018, o que indica um retomar da economia mas sem tantos trabalhadores, um indicador potencial de que a economia pós COVID, mais digital, terá menor necessidade de mão de obra.

 

Mas seja qual for o futuro, os investidores abriram o mês de Setembro, tradicionalmente o pior para as ações, como se a economia estivesse em franca expansão, com os índices continuarem na trajectória ascendente e em zona de máximos históricos. No mercado cambial o U.S dólar está hoje num dia de recuperação e valoriza 0,4% o que está a impedir ganhos mais substanciais em Wall Street.

 

 

O gráfico de hoje é do USD/CAD, o time-frame é Mensal

Este par de moedas está agora numa fase importante, a testar a linha inferior do canal verde

Marco Silva

A informação fornecida não constitui pesquisa de investimento. O material não foi preparado de acordo com os requisitos legais destinados a promover a independência da pesquisa de investimento e, como tal, deve ser considerado uma comunicação de marketing.
Todas as informações foram preparadas pela ActivTrades (“AT”). As informações não contêm um registro dos preços da AT, nem uma oferta ou solicitação de uma transação em qualquer instrumento financeiro. Nenhuma representação ou garantia é dada quanto à exatidão ou integridade desta informação.
Qualquer material fornecido não tem em conta o objetivo de investimento específico e a situação financeira de qualquer pessoa que possa recebê-lo. O desempenho passado não é um indicador confiável de desempenho futuro. AT fornece um serviço somente de execução.
Consequentemente, qualquer pessoa que atue na informação fornecida o faz por sua conta e risco.