Date: 17 Jul 2020

Com quedas que variam entre os -0,34% e os 0,50% não se pode dizer que os principais índices norte-americanos tenham tido um dia de correção, mais uma consolidação como tem sido norma nos últimos meses, onde no entanto existe um destaque. Com efeito a desvalorização do Nasdaq, de -0,73% foi acima dos restantes parceiros de Wall Street, incluindo o Russell 2000, muito por culpa das quedas verificadas na Apple e na Microsoft, de -1,2% e 2% respectivamente, as empresas que mais pesam no mercado.

Esta fraqueza relativa do sector tecnológico tem sido um um tópico importante na última semana, dado que é uma rotação de capital saudável do sector mais sobrecomprado para outros com espaço para valorizações, ou seja um “jogo da apanhada” dos pequenos com os titãs do mercado e que já permitiu ao S&P500 recuperar 3% em relação ao Nasdaq, só nos últimos dias. De resto o sentimento continuou condicionado pelo crescente número de casos de COVID-19 nos EUA.

Propagação da pandemia que está a provocar um nível de cautela superior ao do último mês e que nem os bons dados das vendas a retalho que saíram quinta-feira conseguiram contrariar, até porque mais 1,3 milhões de norte-americanos pediram subsídio de desemprego na última semana, acima dos 1,25 milhões previstos e que coloca o número total de beneficiários nos 32 milhões, contrariando a ideia de uma recuperação rápida do mercado de trabalho e validando os vários avisos de elementos do FED, sobre um caminho longo até que a economia recupere completamente.

O gráfico de hoje é da Berkshire Hathaway, o time-frame é Mensal

A empresa co-fundada por Warren Buffett está prestes a poder validar um sinal bullish com a viragem do stochastic para cima, um movimento que neste time-frame e nestes valores costuma anteceder um período de valorização.

Marco Silva

A informação fornecida não constitui pesquisa de investimento. O material não foi preparado de acordo com os requisitos legais destinados a promover a independência da pesquisa de investimento e, como tal, deve ser considerado uma comunicação de marketing.

Todas as informações foram preparadas pela ActivTrades (“AT”). As informações não contêm um registo dos preços da AT, nem uma oferta ou solicitação de uma transação em qualquer instrumento financeiro. Nenhuma representação ou garantia é dada quanto à exatidão ou integridade desta informação.

Qualquer material fornecido não tem em conta o objetivo de investimento específico e a situação financeira de qualquer pessoa que possa recebê-lo. O desempenho passado não é um indicador confiável de desempenho futuro. AT fornece um serviço somente de execução.

Consequentemente, qualquer pessoa que atue na informação fornecida o faz por sua conta e risco