Date: 11 Out 2017

É certo que ontem Wall Street atingiu novos máximos históricos, mas é igualmente um facto que os ganhos foram bastante tímidos, dentro de uma lógica recorrente nas últimas semanas de ir pelo caminho de menor resistência, mas sem grande convicção. O facto de ser véspera do anúncio das minutas do FED e da apresentação de resultados de alguns dos principais bancos norte-americanos, também pesaram na opção dos investidores em ficar de novo nas linhas laterais, embora que desta feita com um ascendente positivo. Mas apesar de ter sido um optimismo leve, apenas o sector do consumo não essencial do S&P500 é que encerrou no vermelho, com a curiosidade do sector de consumo essencial ser o que mais valorizou após o ganho de 0,99%. Em termos concretos essa diferença foi “explicada” pelo bom comportamento da Walmart versus a pouca atractividade da Amazon para os Bulls.

Bem mais interessante esteve o Forex, onde o Euro valorizou 0,7% para os $1.1816, em boa parte devido à suspensão da declaração de independência por parte do responsável do governo catalão logo após ter decreto unilateralmente a mesma. O movimento apaziguador vai no sentido de se iniciarem conversações com o governo central de Madrid, com vista à resolução do impasse político. O U.S dólar recuou -0,3% contra um cabaz de outras moedas principais, contudo conseguiu ganhar terreno à Lira turca, que perdeu os ganhos de 1% que chegou a atingir durante a sessão, após noticias de que a Casa Branca apoia o seu embaixador no país em relação à redução de Visas, assim como devido à noticia que a Turquia julgou, à revelia, um jornalista norte-americano acusado de propaganda ao terrorismo, ou seja as relações entre os dois países já conheceram melhores dias.

O gráfico de hoje é do EUR/GBP, o time-frame é Diário

Depois de ter encontrado suporte na linha inferior do canal (verde), este activo poderá vir a testar de novo esse local, altura em que caso o mesmo resista à pressão vendedora poderá dar o mote para o activo efectuar um rebound atá à linha superior do canal

Marco Silva