Date: 07 Nov 2018

Em dia das importantíssimas eleições intermédias para o Congresso dos EUA, que podiam resultar num impasse das politicas de Trump, Wall Street navegou por mares bastante controlados com os três principais índices a terem um comportamento muito similar a partir da hora de almoço, contrariamente ao que tem ocorrido nas últimas semanas, terminando com uma diferença de apenas 0,05% entre o que mais valorizou, o Dow Jones e o S&P500, que ficou no fim das preferências dos Bulls ao adicionar 0,63%. Com um volume de apenas 6,85 biliões de transacções, muito abaixo da média de 8,7 biliões dos últimos 20 dias de trade, e sem notícias relevantes de índole empresarial ou económica, o sentimento dominante foi o de esperar para ver o resultado das eleições, até porque amanhã é dia de decisão para o FED e iniciar posições com tanta incerteza já não é assim tão comum como era há cerca de um mês quando os Bulls estavam claramente na mó de cima.

Não obstante a cautela, todos os sectores do S&P500 averbaram ganhos com destaque para os mais sensíveis às questões comerciais, como os materiais e industriais, que lideraram com ganhos acima dos 1%. No Forex os movimentos também estiveram contidos com a excepção da Libra Inglesa que voltou a valorizar, desta feita 0,4% para os $1.3096, numa sessão em que o U.S recuou -0.1% contra um cabaz de outras moedas principais.

Para hoje e tendo em conta os resultados das eleições que mantiveram o controlo do Senado nas mãos dos Republicanos que suportam Trump, mas que deram o controlo da House of Representatives aos Democratas, não é de esperar grandes movimentações como seria expectável caso ambas as câmaras virassem de lado. Estatisticamente após as eleições intermédias Wall Street tem um comportamento bullish, mesmo com o Congresso dividido, contudo vivemos tempos diferentes, e a passadeira vermelha já não estará estendida para Trump, sendo de esperar o aproveitamento pelos Democratas de todas as pontas soltas, como as várias questões jurídicas pendentes e que tinham sido ignoradas pelos Republicanos, para atacar o presidente, aliás já hoje de madrugada se falava nisso em quase todos os debates. Ainda assim só mesmo as próximas semanas poderão validar se a história bullish se mantém ou se desta vez será diferente. Independentemente disso a volatilidade poderá aumentar em relação ao dia de ontem.

O gráfico de hoje é do EUR/USD, o time-frame é Semanal

 

O principal par de moedas continua dentro do canal descendente, contudo poderá vir a validar um duplo fundo que poderá dar algum alento aos Bulls

Marco Silva

A informação fornecida não constitui pesquisa de investimento. O material não foi preparado de acordo com os requisitos legais destinados a promover a independência da pesquisa de investimento e, como tal, deve ser considerado uma comunicação de marketing.

Todas as informações foram preparadas pela ActivTrades PLC (“AT”). As informações não contêm um registro dos preços da AT, nem uma oferta ou solicitação de uma negociação em qualquer instrumento financeiro. Nenhuma representação ou garantia é dada quanto à exatidão ou integridade dessas informações. Qualquer material fornecido, não tem em conta o objetivo de investimento específico e a situação financeira de qualquer pessoa que possa recebê-lo. O desempenho passado não é um indicador confiável do desempenho futuro. AT fornece um serviço somente de execução. Consequentemente, qualquer pessoa que atue na informação fornecida o faz por conta própria e risco.